Publicidade

Publicidade
29/04/2008 - 12:51

Valdívia e Nilmar (ou Luxa e Abel)

Compartilhe: Twitter

Valdívia estava engrenando domingo quando Luxemburgo resolveu tirá-lo de campo. Seja pela possibilidade de um cartão, seja pelo futebol não estar sendo aquele. Valdívia não entendeu.

Nilmar estava domingo em campo e foi sacado por Abel. Na saída, disse que ‘quando a coisa está ficando boa, ele me tira… é sempre assim’.

Abel e Luxa são dois dos mais vencedores técnicos em atividade no Brasil. Abel é sempre contestado. Jamais atingiu a unanimidade. Algo que Luxa cada vez chega mais perto de conquistar.

Eu também gosto de ver Valdívia e Nilmar até o final sempre. Mas técnico vencedor geralmente tem seus motivos. No caso gaúcho, que precisa reverter vantagem, só veremos no próximo domingo.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

3 comentários para “Valdívia e Nilmar (ou Luxa e Abel)”

  1. Tise disse:

    Eu, como colorada, sei que o Abel está longe de ser unanimidade, mas concordei com ele ao tirar o Nilmar e acho que ele não deve reclamar. O Nilmar não ganhou uma disputa de bola enquanto estev no jogo, sei que ele é um jogador que a qualquer momento pode decidir a partida. Mas em clássico como Juventude x Inter, é necessário raça e força, não apenas habilidade.

  2. Bôya Yamazaki disse:

    Bom técnico é o Felipão e o Zico que estão na Europa acrescentado alguma coisa para suas respectivas carreiras. Luxemburgo é treinador para clube que satisfaz as suas vontades. É louco para levar uma vida dupla (treinador/maneger), situação que a cultura brasileira ainda não atingiu. Abel ainda precisa treinar o Flamengo, Corinthians e o Mossoró para ver até onde pode chegar.

  3. Rodrigo disse:

    pra que treinar o corinthians?pra disputar segunda divisão? O Abel não precisa disso…

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo