Publicidade

Publicidade
30/05/2007 - 12:38

Compartilhe: Twitter

Vaga ou título?

Quem me conhce há mais tempo sabe que eu estou cansado de dizer que não gosto da Copa do Brasil como ela é. Que deveria ser no segundo semestre, que tinha que ter todos os times do Brasil (não só os de segunda linha que não foram para a Libertadores), que quando começou era o título mais legal do país e todo o blá blá blá que a gente já cansou de falar aqui.

Bom, como a coisa segue como está, eu pergunto aqui? O Fluminense está de olho no título ou na vaga da Libertadores? Posso garantir que é o segundo. E isso me entristece. Um time tem que disputar campeonatos pela vitória.

Pegue os estaduais. Talvez seja o título mais disputado entre as equipes e “não vale” rigorosamente nada. Vale amor à camisa, rivalidade, vontade de vencer, de ser o melhor. Vale o que o torcedor gosta.

É só olhar o primeiro parágrafo de qualquer matéria publicada hoje sobre o primeiro jogo da decisão. Em todas, o jornalista lembra que esta final vale a vaga na Libertadores.

A Copa do Brasil, o mais simpático torneio nacional enquanto durou, hoje, vale uma vaga na Libertadores. E nada mais.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

7 comentários para “”

  1. Enrique Escudero disse:

    É, você tá certinho. A Copa do Brasil deveria valer mais do que uma vaga para a Libertadores. Eu acho muito legal esse torneio porque dá oportunidade pra muito time pequeno chegar em fases avançadas. Mas no caso do Fluminense, eu acredito que o titulo vale alguma coisa, porque são 23 anos sem ser campeão de uma competição nacional. O Figueira também deve querer ser campeão. Pelo menos é pra isso que eu torço, que os times joguem para conquistarem a Copa do Brasil, não uma vaguinha pra Libertadores.

  2. Pdr Rms disse:

    Concordo com o Enrique e, nesse sentido, devo lembra-lo que nao faz tanto tempo assim, em 2000, os seus companhieros são paulinos ficaram muito sentidos com a perda da Copa do Brasil pelo Cruzeiro. De la pra ca, a nao ser o fato de os times que disputam a Libertadores nao disputarem mais, nada mudou. Tenho certeza que na ocasiao nao foi só o fato de nao ter disputado a Libertadores que aborreceu os sao paulinos. No meu caso, se o Fluminense conseguir o título me considerarei um campeão nacional, tanto quanto um campeão do camp brasileiro.

    Mas concordo que muito poderia ser feito para melhorar essa competição. Poderiam usar a Copa da Inglaterra como modelo.

  3. guilherme disse:

    time de segunda linha ??? , uma pequena falta de respeito com uma nação de 9 milões de torcedores !! quanto ao titulo do figueirense ,semana q vem . naum tenho duvidas q se trata de um pulista com dor de cotovelo .

  4. leonardo disse:

    como DONO da TAÇA, e GREMISTA até o caroço, digo que a COPA do BRASIL é um tesão cara, o tricolor é tetra e cinco vezes vice, ou seja, é O TIME em termo de copa do brasil, sinto muita saudades das disputas, pois vai algum tempo o tricolor tb não dá muita atenção a copa, visto que ano passado caíu na 2º fase, mas lembro de embtaes memoráveis contra corintians, são paulo, cruzeiro, nossa contra o cruziro foi %!@$&@#aquela final. muita saudade e muitos títulos. o GRÊMIO foi o primeiro time brasileiro a dar o devido valor a copa do brasil! 4 canecos no armário

  5. Glemerson disse:

    Olá Mauricio….. como vc é um cara que acompanha e analisa tudo de ocorre no futebol europeu, poderia colocar aqui no blog uma parte ou link pra postar e analisar as contratações dos clubes europeus.
    um abraço

  6. ze arides disse:

    A COPA DO BRASIL PODERIA TER O SEGUINTE FORMATO;
    PERIODO DE AGOSTO A DEZEMBRO NEUMERO DE PATICIPANTES 20 DA SERIA A, 20 DA SERIE B, E 24 DA SERIE C TOTAL 64

  7. formigão disse:

    não concordo mauricio imagina os times que disputam apenas a libertadores reclamam do calendário imagine se tivessem que disputar também a copa do brasil? a copa do brasil é legal porque oferece chances para todos os times do brasil e não para uma pseudo elite olha o preconceito mauricio

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo