Publicidade

Publicidade
27/07/2005 - 13:16

Compartilhe: Twitter

Sobre Robinho, … Julio Baptista

por Maurício Teixeira

Sinto um leve desconhecimento da imprensa brasileira na cobertura do caso Robinho. Ou pelo menos na repercussão dele lá fora. Não sei se os espanhóis estão meio cansados desta história (eu estaria), mas é fato que há 7 dias a capa do Diário Marca, o principal esportivo do país, parou de falar do brasileirinho do Santos.

Pelo contrário, nos últimos dois dias está na capa Julio Baptista, La Bestia de Sevilha. Outro bastante comentado é Ballack, o único craque do atual futebol alemão. Além de Landzaat, da Holanda. Sobre Julio, dizem que já está com um pé e meio no Real. 18 milhões de euros.

De Robinho, um elogio de Roberto Carlos aqui, uma notinha sobre Wagner Ribeiro ali, um protesto do Florentino acolá.

Ainda não se falou que em caso de Julio ir para o Real, Robinho estaria descartado. Mãããs… os espanhóis estão cansando. A coisa está esfriando. Em tese, para o clube tanto faz comprar o Robinho agora ou daqui a 3, 4 anos. Pense que fora o Raúl, todos os outros galácticos já chegaram mais do que consagrados ao clube.

O Julio Baptista tem ainda a vantagem sobre o Robinho de que os europeus sempre desconfiam muito dos brasileiros em suas primeiras temporadas no Continente. Coisa que só piora com a atitude rebelde de Robinho de não treinar. Julio já sabe que é bom moço, trabalhador, bom jogador e adaptado. Por mais que o Robinho o seja também, é na Espanha que vai ter que provar.

Tomara Arsenal ou outro endinheirado resolva entrar na briga, ou o Santos corre o risco de ficar com um desanimado Robinho e sem nenhum tostão.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo