Publicidade

Publicidade
29/06/2004 - 13:43

Compartilhe: Twitter

Não tem bobo… muito menos bonzinho…

por Maurício Teixeira

O Luxa consagrou o ‘Não tem mais bobo no futebol mundial’. O contexto era explicar derrotas ou apertos para times que no tempo do Pelé a seleção brasileira ganhava de 7 a 0. Concordo com o Luxemburgo neste caso.

Agora foi a vez de uma nova evolução no termo. Meu pai atentou-me com muita propriedade neste final de semana que a malandragem é a nova tônica do futebol mundial. Se você assistiu metade de uma partida da Eurocopa, viu suecos, dinamarqueses, holandeses e até os gelados alemães fazendo a famosa CÊRA!

Tem de tudo. Dinamarquês andando com a barreira. Goleiro grego pedindo atendimento médico depois de colocar a bola pra escanteio. Atacante alemão dando quatro piruetas e gritando depois de ser atingido pelo zagueiro. Capitão holandês que chega junto no juiz a cada apito. Até uns caras acima do bem e do mal como Zidane se jogam de vez em quando para tentar uma falta.

Enfim… parece que a malandragem venceu. E os europeus, que sempre vaiaram os argentinos e brasileiros que saem da maca num salto e pedem pra voltar ao gramado, vão ter que se acostumar. Será que é assim que se vence?

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo