Publicidade

Publicidade
17/06/2004 - 12:47

Compartilhe: Twitter

Passinho pra frente, por favor

por Mauricio Teixeira

– Não tenho muito o que dizer do São Paulo além do que já foi dito. Um time limitado, muito pior que o do ano passado, que também não ganhou nada.

– Com dois bons laterais e um centroavante, você pode até ganhar algumas, mas não todas.

– Peguemos os melhores: o São Paulo com Cafu, Roberto Carlos e Ronaldo Fenômeno não ganharia a Libertadores.

– Falta o meio, claro. O meio.

– Ricardinho? (quieto, menino!)

– O Marquinhos era o homem. Se não está bem o semestre inteiro, e não estava bem lá em Manizales, tinha que ter insistido nele. Tinha que ter jogado com ele no Morumbi também. O time seguiria fraco, mas com uma chance pelo menos de tabela, de lançamento, de um lampejo, de um gol-fetalhe. Em 180 minutos, ele ficou apenas 30 em campo.

– Ninguém ganha jogo com Alexandre, Simplício, Danilo, Souza, esses armandinhos. É como a seleção jogar com Gilberto Silva, Edu, Emerson e Flávio Conceição. Pode ter Henry e Ronaldo na frente que não sai gol.

– Mas isso é coisa do passado. Só aumenta a fila do São Paulo (dez, onze anos? – não me venham com campeonato estadual ou conmebol ou rio-sp). E ganhar o Brasileirão vai ser bem mais difícil do que a Libertadores. Sem Luis Fabiano e Gustavo Nery.

– Mas tem Rogério Ceni, né? zzzzzz

***

– O Flamengo levantou poeira. Como é bonito ver o Maraca cheio de rubro-negro. Inclusive o Ronaldo.

– Pena que a Copa do Brasil virou um torneio menor sem os times da Libertadores. Parece que ano que vem volta a ser pra valer. Tomara!

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo