Publicidade

Publicidade
03/07/2003 - 12:43

Compartilhe: Twitter

Papa Penta

por Maurício Teixeira

O Boca e sua torcida apaixonada ‘papou o penta’ com muito estilo e merecimento. Estive no Morumbi nesta quarta e o que vi foi um time concentrado, bem armado e que sabe sair no contra-ataque e tocar a bola como poucos. Sem contar o espetáculo dos torcedores que lá estiveram. Agigantaram a vitória Argentina. (Para ver a vibração da torcida do Boca de dentro, veja a belíssima reportagem da dupla André Naddeo e Marcello Pagotto para o Último Segundo – em vídeo).

Quanto ao Santos, um time raçudo com poucos lampejos dos craques que têm. A cabeça erguida e os aplausos do Morumbi ficaram de bom tamanho. Uma geração grandiosa como a que se forma na Vila só será vitoriosa por completo depois de um fracasso bem assimilado. Bom pugilista não é só o que bate forte, mas o que assimila melhor os golpes.

O jogo foi perdido em Buenos Aires. Não no segundo gol, mas em ambos. O Santos jogou melhor que o Boca na Bombonera. E só uma vitória teria afastado o suicídio que é ver o Boca de Bianchi, com qualquer vantagem, jogar fora de casa (vide Paysandu e América de Cali).

Quem avisa, amigo é – 1

Voltando ao Brasileirão, gostaria de falar de Rojas no São Paulo. Não acho que ele seja um bom técnico ainda e nem defendo a sua saída. Mas uma coisa me incomoda. E muito. Nos três últimos jogos que vi do time, a zaga tricolor insistiu na chamada Linha Burra nas faltas que vêm das laterais. Em nenhuma delas, foi perfeito o lance. O time só não tomou gol devido a erros dos atacantes (Goiás) e erros das bandeiras (Guarani). Já não gosto da jogada. Acho que a Fifa inclusive deveria parar de punir por tratar-se de um anti-jogo proposital. Mal ensaiada, então, nem se fala!

Quem avisa, amigo é – 2

O São Paulo tem pela frente no campeonato dois dos melhores técnicos do Brasil. Se eu que sou bobo e não vivo disso já manjei essa linha bem burra do São Paulo que o Rojas insiste em treinar, imagina Mário Sérgio e Bonamigo. Nos dois jogos (ambos de seis pontos) Azulão e Coxa têm grandes chances de marcar por aí.

Autor: - Categoria(s): Sem categoria Tags:

Ver todas as notas

Os comentários do texto estão encerrados.

Voltar ao topo